[30 out 2014 | Nenhum comentário | ]
“Cinema em Outras Cores” discute sexualidade e liberdades individuais

No dia 13/11, às 23h30, Jean Wyllys reforça o time do Canal Brasil. O programa levanta temas polêmicos mas pouco discutidos em nossa sociedade. Na estreia, ele conversa com os telespectadores em um bate-papo ao vivo.
O jornalista e professor propõe uma reflexão acerca da diversidade sexual ao revelar diferentes olhares sobre o tema. Com curadoria do próprio Jean, foram selecionados 13 curtas-metragens que retratam as dores, os amores, as lutas e as esperanças de gays, lésbicas, bissexuais, transexuais e travestis. A atração aborda ainda temas polêmicos, dentre eles a legalização da maconha.
Além …

Leia mais »

Artigos, Direito e Cidadania »

[30 out 2014 | Nenhum comentário | ]
DO AMOR AO ÓDIO – ENTRE A HOMOAFETIVIDADE E A HOMOFOBIA

Por Dra. Stephany Mencato

Elaborado pela ex Desembargadora Maria Berenice Dias o termo “homoafetividade” surge no âmbito jurídico e passa a dominar o ambiente social nos últimos anos. A ideia é dessexualizar e afastar o tom pejorativo dado até então as uniões e atos entre pessoas de mesmo gênero.
Tais comportamentos, primeiramente tidos pela sociedade médica como doença, recebia a alcunha de “homossexualismo”, com a mudança de tal pensamento na década de 40 e o fortalecimento dos movimentos sociais buscou-se uma nomenclatura que afasta-se a ideia de doença ou de traço de …

Direito e Cidadania, Notícias, Política »

[30 out 2014 | Nenhum comentário | ]
Dilma diz que defenderá regulação da mídia e criminalização da homofobia

Em entrevista exibida na noite desta terça-feira (28) no “SBT Brasil”, a presidente Dilma Rousseff (PT) afirmou que irá defender, no seu segundo mandato, a regulação econômica da mídia e se empenhará na aprovação do projeto de lei 122/2013, que torna a homofobia crime.
A presidente também tratou da proposta de reforma política por meio de um plebiscito, do escândalo da Petrobras e do diálogo que pretende estabelecer com a oposição.
Sobre a regulação da mídia, Dilma afirmou que a questão não pode ser confundida com interferência na liberdade de expressão. “Não …

Cultura, Destaque, Direito e Cidadania, Notícias »

[30 out 2014 | Nenhum comentário | ]
“Cinema em Outras Cores” discute sexualidade e liberdades individuais

No dia 13/11, às 23h30, Jean Wyllys reforça o time do Canal Brasil. O programa levanta temas polêmicos mas pouco discutidos em nossa sociedade. Na estreia, ele conversa com os telespectadores em um bate-papo ao vivo.
O jornalista e professor propõe uma reflexão acerca da diversidade sexual ao revelar diferentes olhares sobre o tema. Com curadoria do próprio Jean, foram selecionados 13 curtas-metragens que retratam as dores, os amores, as lutas e as esperanças de gays, lésbicas, bissexuais, transexuais e travestis. A atração aborda ainda temas polêmicos, dentre eles a legalização da maconha.
Além …

Destaque, Notícias, Polícia »

[28 out 2014 | Nenhum comentário | ]
Richthofen se casa com a ex de Elize Matsunaga na prisão

Condenada por participar da morte dos pais em 2002 e presa há 12 anos, Suzane von Richthofen, 30 anos, voltou a ser um dos assuntos principais da penitenciária de Tremembé, no interior paulista. A ex-estudante está, desde setembro, casada com outra detenta e passou a desfrutar de regalias dadas apenas a casais dentro da prisão. As informações são do jornal Folha de S. Paulo
Suzane se uniu no mês passado a Sandra Regina Gomes, condenada a 27 anos de prisão pelo sequestro de uma empresária em São Paulo. Sandra, porém, acaba …

Artigos, Direito e Cidadania, Internacional, Notícias »

[26 out 2014 | Nenhum comentário | ]
Como participar de um casamento gay afetou meu casamento hétero

Por Stephanie Schroeder
No último fim de semana eu participei de um casamento gay – ou, como eu gosto de dizer, de um casamento.
Meu irmão de 36 anos se casou com seu parceiro durante uma cerimônia rápida mas bonita, com amigos próximos e parentes, no centro de Chicago.
Ao final da cerimônia, meu irmão e meu cunhado foram declarados marido e marido e trocaram um beijo antes de sair pela nave, entre sorrisos e lágrimas.
Nenhum raio atingiu o lugar. Não houve chamas espontâneas envolvendo o prédio. Nem casamentos hétero destruídos quando eles disseram …