Home » Arquivo

Postagens em Marcos Guinoza

Cultura, Marcos Guinoza, Notícias »

[5 dez 2011 | Um comentário | ]
Canções homossexuais

Por Marcos Guinoza
Perguntei para o Paulo Azeviche se ele já havia sofrido algum tipo de preconceito por fazer um trabalho artístico com abordagem abertamente homossexual.

Resposta: “Tive meu espetáculo mais recente, Sossega Leão!, excluído do festival dos alunos de artes da universidade na qual estudo, a Unicamp. O release do show especificava como referências as performances de Cláudia Wonder, Ney Matogrosso e Edy Star. Recebi como resposta: ‘você não é prioridade da música’”.
Paulo Azeviche é um jovem intérprete brasiliense. No momento, prepara um CD, a ser lançado em julho de 2012, …

Artigos, Entretenimento, Marcos Guinoza »

[25 nov 2011 | Nenhum comentário | ]
machos à moda antiga

Por Marcos Guinoza
Caio Castro é um ator que surgiu de um concurso realizado pelo “Caldeirão do Huck”. Passou por “Malhação”, “Ti Ti Ti” e, enfim, chegou ao horário nobre. Ele é o Antenor de “Fina Estampa”.
sobre a sua atuação no folhetim do Aguinaldo Silva, basta dizer que o personagem é bem maior que o ator que o representa.
assim como boa parte dos heterossexuais imaturos que ainda gozam na cueca, Caio Castro, ao que parece, tem medo de “parecer gay” por ser solteiro no “caliente” Rio de Janeiro. Daí veio a …

Artigos, Destaque, Entretenimento, Marcos Guinoza »

[2 jul 2011 | Nenhum comentário | ]
Com vocês, o público em geral

Por Marcos Guinoza
Comunicado do SBT divulgado na quinta-feira, 30 de junho: “O SBT realizou uma pesquisa para avaliar o desempenho de ‘Amor e Revolução’. A pesquisa apontou a insatisfação do público em geral em relação às cenas de violência demasiada e ao beijo gay explícito”.
Não assisto essa novela. O autor, Tiago Santiago, é muito ruim. E a produção do SBT é pra lá de precária – nível “Maria do Bairro”, mas sem o plus dos divertidos e absurdos penteados e dublagens dos folhetins mexicanos apresentados pela emissora.
Pelo noticiário, soube que …

Artigos, Marcos Guinoza »

[1 jul 2011 | Um comentário | ]
Sociedade podre. Políticos idem

Por Marcos Guinoza
A absolvição do deputado federal Jair Bolsonaro (PP-RJ), acusado de quebra de decoro parlamentar (traduzindo: mostrou a bunda cabeluda e fedida para negros e LGBTTs), não devia surpreender nem indignar ninguém. A classe política brasileira é podre. Pior: é o retrato cuspido e escarrado da sociedade podre que elege os mesmos canalhas de sempre a cada nova eleição.
Sim: há uma pequena parcela de brasileiros aguerridos que luta por mudanças sociais, comportamentais, políticas. Quer um país mais livre e civilizado. Mas não se iluda: a imensa maioria é formada …

Artigos, Destaque, Direito e Cidadania, Marcos Guinoza »

[14 jun 2011 | 2 comentários | ]
Vamos rasgar a Bíblia?

Por Marcos Guinoza
ANTES, um lembrete. A instituição que, ao longo da história, ateou fogo em livros considerados heréticos foi a Igreja Católica. Queimou uns e proibiu a circulação de outros tantos. Agora, a resposta à pergunta do cartaz aí em cima: não, nós não vamos rasgar nem queimar Bíblias. A Bíblia é sagrada para milhares de pessoas. E devemos saber respeitar a liberdade religiosa de cada um.

Respeito que, infelizmente, muitos daqueles que crêem na Bíblia não têm por aqueles que apenas lutam por direitos iguais. E essa é a grande …

Artigos, Destaque, Direito e Cidadania, Marcos Guinoza »

[24 maio 2011 | Nenhum comentário | ]
Quadrilha das Bichas

Por Marcos Guinoza

A bicha rica odiava a bicha pobre que odiava a bicha gorda que odiava a bicha bofe que odiava a bicha pintosa que odiava a bicha velha que não odiava ninguém.

A bicha rica foi espancada por skinheads na Paulista, a bicha pobre por playboys; a bicha gorda morreu esfaqueada por um michê; a bicha bofe casou para manter as aparências; a bicha pintosa virou ex-bicha evangélica; e a bicha velha morreu sem ver a lei anti-homofobia ser aprovada pelo Congresso Nacional.

Intolerância: bate cá como bate lá.

*********

Post livremente inspirado …

Artigos, Marcos Guinoza »

[1 abr 2011 | Nenhum comentário | ]
Família Feliz

Por Marcos Guinoza
A palavra “família” vem do latim “famulus”, que significa “escravo doméstico”. Ops, escravo doméstico?! Que definição perfeita para essa instituição opressora!

A família surgiu monogâmica, patriarcal e burguesa. Pai (provedor), mãe (dona de casa) e filhos (obedientes). Ainda bem que esse perfil sofreu fortes abalos ao longo do tempo. Hoje, há famílias com as mais diferentes configurações. Menos caretas, mais libertadoras.

O problema é que expressões burras como “moça de família” e “valores familiares”, relacionadas diretamente com o conceito antigo de família, continuam sendo usadas pelos canalhas para medir e …

Artigos, Destaque, Direito e Cidadania, Marcos Guinoza »

[21 mar 2011 | Nenhum comentário | ]
O “kit gay” e uma ameaça de morte

Por Marcos Guinoza
Há uma Petição Pública na internet contra o chamado “Kit Gay”, apelido pejorativo que o deputado-evangélico-homofóbico Jair Bolsonaro (PP-RJ) deu ao material que o Ministério da Educação pretende distribuir em escolas públicas.
O tal “Kit Gay”, na verdade, contém cartilhas e vídeos com informações didáticas que esclarecem as crianças sobre o bullying e o preconceito. A petição on-line pede o apoio de pessoas contrárias à iniciativa. Até 12h37 de sábado (19/03), o abaixo-assinado contava com a participação de 15.591 brasileiros baiacus.
Os criadores da petição afirmam que são contra o …

Artigos, Destaque, Marcos Guinoza, Notícias »

[13 fev 2011 | Um comentário | ]
Vai Lamber Lantejoula, Dona Globo!

Por Marcos Guinoza
A TV Globo enfim se manifestou sobre a recorrente censura ao beijo gay em sua programação. Quem assinou a extensa carta foi Luis Erlanger, diretor da emissora.

Conclusão:

1) A Globo não vai exibir beijo gay.
2) A Globo entende que não cabe à emissora promover institucionalmente o beijo gay.
3) Para a Globo, beijo gay é “politicamente incorreto” (oi?!) e, mais ainda, “transgressor”.

Ok, entendo a posição covarde e hipócrita da emi$$ora. Entendo porque li inúmeros comentários sobre a carta do Erlanger em que os homofóbicos aproveitaram para “soltar suas feras”. Veja …

Artigos, Destaque, Marcos Guinoza »

[8 fev 2011 | 2 comentários | ]
Sim, nós (gays) temos pinto!

Por Marcos Guinoza
O GayMe, quadro do programa “Amor & Sexo”, comandado pela bela Fernanda Lima, brinca com os estereótipos do universo homossexual. Nada além disso.
O quadro é feito na medida para divertir os telespectadores médios com provas idiotas como correr 100 metros de salto alto, trocar pneu de carro ou arrancar o sutiã de boazudas com os olhos vendados.
Quem esperava por amor gay e, principalmente, por sexo gay, caiu do cavalo. Teve que se contentar com uma gincana infantilóide tipo Didi Mocó, em que o único objetivo era fazer rir, …